Latino-Poemas
¡Regístrese Ahora!     Conectarse

Consultar

Otros

Usuarios conectados

60 usuario(s) en línea (40 usuario(s) navegando Poemas y prosas)

Registrados: 0
Invitados: 60

más ....

Licencia

Licencia Creative Commons

« 1 2 3 (4) 5 6 7 »
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Fome de poetar Estou deitado na cama lendo um livro de Waly Salomão, enquanto o sol me queima sem comiseração...
Enviado por  AJCardiais
el 15/8/2015 1:56:35
573 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos O xis da questão Não gosto de rimas forçadas. Apesar de que às vezes é preciso, para criar “um paraíso”....
Enviado por  AJCardiais
el 27/7/2015 18:15:12
568 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Para morrer em paz Quando você ler os poetas consagrados, perceberá que não é pecado cometer algum disparate. T...
Enviado por  AJCardiais
el 25/7/2015 20:51:13
529 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Soneto de briga Minha poesia não rima com mordomia nem com barriga vazia... Minha poesia morde as normas e nã...
Enviado por  AJCardiais
el 13/7/2015 15:18:08
519 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos O mundo das crianças Deixem as crianças serem crianças... Não cortem delas os sonhos, as esperanças. Não lhes mo...
Enviado por  AJCardiais
el 5/7/2015 18:55:48
508 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos O não significado Eu posso escrever, por escrever... Eu posso escrever, e nada dizer. Eu posso escrever, e ningué...
Enviado por  AJCardiais
el 28/6/2015 19:22:32
534 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Perdendo a ideia Quando eu perco o fio da navalha, a poesia encalha ou muda de direção... Ai navego na contra m...
Enviado por  AJCardiais
el 27/6/2015 15:05:56
508 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Poema pra consumo Meus poemas estão perdidos pela internet da vida. Estão procurando uma saída pra não serem s...
Enviado por  AJCardiais
el 2/5/2015 15:27:20
1027 Lecturas
2 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Diga que me ama Diga que me ama, porque preciso ouvir. Seu amor é um elixir que me tira da cama. Diga que me am...
Enviado por  AJCardiais
el 16/4/2015 14:59:02
554 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Com a alma atribulada Abandono um poema, entro em outro esquema, escorrego numa rima... Não resolvo o problema... Tud...
Enviado por  AJCardiais
el 13/4/2015 14:21:10
689 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Tudo às vezes Às vezes eu preciso de algum subsidio para escrever, porque não dá pra viver. Às vezes preci...
Enviado por  AJCardiais
el 2/4/2015 11:34:19
534 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Descontrole emocional O momento está tão feio, que assustou minha alma. Ela perdeu a calma, e ficou cheia de receio. ...
Enviado por  AJCardiais
el 2/2/2015 12:00:53
538 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Prolixo pro lixo Não adianta escrever, para ninguém entender... não adianta vender, e comprarem por comprar. N...
Enviado por  AJCardiais
el 1/2/2015 23:15:42
470 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Capa de poeta A minha capa de poeta não me protege do frio do medo... Antes, revela meu segredo. A minha capa...
Enviado por  AJCardiais
el 25/1/2015 12:46:15
592 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Militante da poesia Ataco em todos os flancos e deixo palavras entrincheiradas. Sozinho, nas madrugadas, fico arquite...
Enviado por  AJCardiais
el 21/12/2014 11:27:38
532 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Opiniões sobre viver Meus cabelos mostram minha história: antes castanhos, agora brancos. Antes eram rebeldes, agora ...
Enviado por  AJCardiais
el 12/12/2014 12:41:24
640 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos O valor da poesia Quanto vale o que eu escrevo? O meu desejo é pura imaginação. Um pedaço de pão disfarça a ...
Enviado por  AJCardiais
el 23/11/2014 9:37:39
718 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Trato poético Espero que a poesia venha a mim como sempre veio: como um animal selvagem em busca de atenção....
Enviado por  AJCardiais
el 14/11/2014 12:10:40
485 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Poemas Perfumados Não faço poemas com perfume francês... Aliás, não faço poemas perfumados. Faço poemas se...
Enviado por  AJCardiais
el 14/9/2014 23:33:48
628 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Realidade opaca Não quero a poesia pobre. Também não a quero tão nobre. Quero a poesia inserida no meio, diz...
Enviado por  AJCardiais
el 11/9/2014 0:04:40
687 Lecturas
1 Comentarios
« 1 2 3 (4) 5 6 7 »

Etiquetas

Login

Nombre:

Contraseña:

Recordar



¿Recuperar la contraseña?

Regístrese

Comentarios recientes

icon1.gif Re: VIEJO ROCKERO
Antar
19/2/2020 13:37
icon1.gif Re: Dulce entrega
Ana
18/2/2020 9:11
icon1.gif Re: Dulce entrega
Ana
18/2/2020 9:09
icon1.gif Re: VIEJO ROCKERO
Ana
18/2/2020 9:07
icon1.gif Re: El encuentro
Ana
17/2/2020 12:04
icon1.gif Re: Dulce entrega
gus_de_las_pampas
16/2/2020 16:44
icon1.gif Re: Aqualung II
gus_de_las_pampas
16/2/2020 16:41
icon1.gif Re: Polvo en el viento
gus_de_las_pampas
16/2/2020 16:39
icon1.gif Re: Amor es...
Ana
16/2/2020 13:04
icon1.gif Re: Dulce entrega
miltinho
15/2/2020 15:20

Poemas más leídos recientemente

O desafio de viver junto
AJCardiais
3/1/2013 23:53:13
Tus lindos ojos
juank0905041
20/9/2013 17:14:33
MI PUEBLO
necoperata
3/11/2012 3:34:26
A nobreza de quem sabe sofrer
AJCardiais
29/12/2018 11:56:18
Erudição
AJCardiais
25/4/2019 18:46:46
A irregularidade do ato
AJCardiais
16/10/2018 15:45:26
Obrigado poeta
AJCardiais
4/11/2012 14:43:13
Experimentação ou possibilidades
AJCardiais
10/6/2012 18:06:56
O meu coração
AJCardiais
30/9/2018 23:28:22
muito além da carne e dos sentidos.
REHGGE
28/4/2016 21:57:36