Latino-Poemas
¡Regístrese Ahora!     Conectarse

Consultar

Otros

Usuarios conectados

30 usuario(s) en línea (25 usuario(s) navegando Poemas y prosas)

Registrados: 0
Invitados: 30

más ....

Licencia

Licencia Creative Commons
RSS de los poemas

« 1 2 (3) 4 5 6 ... 40 »
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Por Mais Que Não Pareça Por mais que não pareça, sempre quero passar uma mensagem. Não importa se a viagem é de carro...
Enviado por  AJCardiais
el 7/12/2016 11:43:42
90 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Poemas Perfumados Não faço poemas com perfume francês... Aliás, não faço poemas perfumados. Faço poemas se...
Enviado por  AJCardiais
el 5/12/2016 12:07:35
126 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Diversão e Desabafo Descrevo meus momentos, mas não afirmo serem poesias. Para pertencer a esta “dinastia”, pre...
Enviado por  AJCardiais
el 29/11/2016 14:05:38
101 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Desaconselhável Não tenho solução pro mundo... Aliás, não tenho nem conselho. A vida é um eterno estudo, a ...
Enviado por  AJCardiais
el 24/10/2016 10:30:00
168 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos As Coisas Possíveis Numa parede é possível conter uma obra de arte... Uma parede quando parte, deixa cair montícul...
Enviado por  AJCardiais
el 18/10/2016 11:28:10
130 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
papajumed Sonetos De mar adentro Alzarse vi a la arena en estampida con el arribo oculto hasta la orilla de una sirena asaz entris...
Enviado por  papajumed
el 18/10/2016 3:41:36
281 Lecturas
2 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
bebert Sonetos QUANDO O AMOR ESTÁ MORIBUNDO Vagueio na noite, uma noite de inverno, Naquelas velhas ruas dos amores proibidos Como lobo solit...
Enviado por  bebert
el 16/10/2016 17:30:24
80 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Causa Poética A madrugada me seduz... Fico como uma mariposa: rondando a luz, em busca de alguma coisa. Pode s...
Enviado por  AJCardiais
el 14/10/2016 10:59:35
123 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Realidade Corrosiva Quando não tenho com o que sonhar, a realidade comparece e começa a me questionar... Mostra-m...
Enviado por  AJCardiais
el 12/10/2016 10:58:53
147 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Além do Olhar A poesia me faz enxergar muito além do nosso olhar. Quem só enxerga o que vê, não conseguirá...
Enviado por  AJCardiais
el 11/10/2016 1:42:15
118 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Vida e Morte Escorrego da saudade, do tempo de vagabundo, quando eu corria o mundo em busca de felicidade. A ...
Enviado por  AJCardiais
el 9/10/2016 13:27:20
152 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
bebert Sonetos GAIVOTA QUE VOAS BAIXINHO Gaivota que voas baixinho em voo de asas serenas Vem visitar o meu ninho,vem colmatar minhas pena...
Enviado por  bebert
el 30/9/2016 22:21:58
87 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Emoção Desordenada O poeta vê poesia onde parece não haver: nos olhos de uma mulher, no desabrochar do dia; Numa ...
Enviado por  AJCardiais
el 26/9/2016 11:24:09
129 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos História Irreal Bebo um gole de poema e me embriago. Fumo um verso, trago, mas não trago nada à tona... Aí o ...
Enviado por  AJCardiais
el 23/9/2016 13:06:57
122 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Luz Pequena O poeta vê o poema nos pés sujos de barro, na poeira do carro ou nos olhos da morena. O poeta ...
Enviado por  AJCardiais
el 21/9/2016 10:36:49
144 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
papajumed Sonetos Vestido de pericia Yo que sé cosas, pero nada digo, mientras sufra de la ofuscación tanto. Ese indigno desdén que...
Enviado por  papajumed
el 15/9/2016 4:48:54
236 Lecturas
2 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Soneto Dolorido Não queria falar de dor... Mas como não falar, se é o que me acontece agora, e que me devora? ...
Enviado por  AJCardiais
el 13/9/2016 2:02:18
162 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Fofoca ou Desabafo Jogo tanto “poema” fora, por me recusar a escrever sobre tudo que me aflora como se fosse um ...
Enviado por  AJCardiais
el 11/9/2016 10:09:48
131 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Poem for consumption My poems are lost. In the life of the internet They're looking for a way out. not to only b...
Enviado por  AJCardiais
el 9/9/2016 23:18:54
137 Lecturas
0 Comentarios
Poemas del mismo poeta
offline
AJCardiais Sonetos Inspiração e Respiração Não coloco hora no poema, porque hora não é problema para quem gosta de poetar. Então só pro...
Enviado por  AJCardiais
el 8/9/2016 12:11:26
160 Lecturas
0 Comentarios
« 1 2 (3) 4 5 6 ... 40 »

Etiquetas

Login

Nombre:

Contraseña:

Recordar



¿Recuperar la contraseña?

Regístrese

Comentarios recientes

Poemas más leídos recientemente

A mi sólo me han dado por el culo cinco tíos en to
AlienXenobionte
20/12/2013 16:22:23
2 meses a tu lado
caz_master
11/5/2012 4:22:07
Tus lindos ojos
juank0905041
20/9/2013 17:14:33
TU MIRADA...
RAMSHADY
19/7/2012 3:27:29
MI HOGAR
Starlight
26/9/2011 20:51:59
DESCANSA EN PAZ...
Claudia
1/8/2012 23:59:35
MI PUEBLO
necoperata
3/11/2012 3:34:26
Don Quijote de la Mancha
papajumed
10/10/2010 3:20:43
Me alegra haberte conocido
CaelumDraconis
24/7/2013 3:30:19
Tecendo o Amanhã
AJCardiais
21/2/2017 15:48:19