Latino-Poemas
¡Regístrese Ahora!     Conectarse

Consultar

Otros

Usuarios conectados

31 usuario(s) en línea (21 usuario(s) navegando Poemas y prosas)

Registrados: 1
Invitados: 30

Juan_Oriental, más ....

Licencia

Licencia Creative Commons

Poemas -> Desilusión : 

Peito em Carta

Etiquetas: EtiquetasSolidão   Etiquetassaudade   Etiquetasdesilusão   EtiquetasAmizade   Etiquetashomenagens  
 

Pensamento que não para quieto
Cria asas imagináveis pra te ver
O tanto que te amo já não sei bem certo
Saudade me invade da vontade de morrer.

Sobrevoa por cidades e arranha-céus
Pensamento louco indomável
Que me apanha pelos ares, farto de visão!
E ao mesmo tempo solitário.

Pensamento que não para; inquieto...
Faz desta minha carne solidão
Teu sangue que escorre em minhas veias
Faz sangrar meu dilacerado coração.

Se lhe enviar o meu peito em carta
Tão farto de tristezas em vão
Tal carteiro se despediria aflito
Conteúdo de uma escrita sem razão.

No outono esperança vira folhas
Bailarinas pelo vento a voar
Amarelas vão doentes em rumores
De mansinho em teu peito aconchegar.

Para os lados de cá amanheceu tão cinza
Pigmentos de um jardim sem flor
Sem você minha alma agoniza
Lágrimas torturadas viram brisas
Arco-íris entardece incolor.



Marcelo Henrique Zacarelli escreve Poemas e Compõe Músicas desde 1986, tem como Pseudônimo a Artista Ficticia Christine Aldo.

Pelo autor Marcelo Henrique Zacarelli
Julho de 2003 no dia 23 Itaquaquecetuba (SP).
Poeta
zacarelli
Poeta zacarelli
Poemas del mismo poetaMás poemas
Rss del poetaRss del poeta
EstadísticasEstadísticas
 
Poema
Fecha 22/1/2012 14:48:29
Lecturas 909
Favoritos 0
Licencia Licencia Creative Commons
Enviar a un amigoEnviar
Versión imprimibleImprimir
Crea un documento PDF con el poemaCrear un pdf
Recientes
A História da Bola
Amor pela Metade
Adolescente Perdida
Aço da Saudade
No Silêncio do Seol
Al azar
Roxo-Lilás
A TI TENHO AMADO
A MATÉRIA QUE RENEGAS
A FRAUDE DE UM QUADRO
A ALMA E FORÇA DA MULHER
Los usuarios son responsables de sus propios comentarios.

Autor Hilo
zacariascoelho
Enviado: 15/4/2012 23:41  Actualizado: 15/4/2012 23:41
Incondicional
Incondicional
Avatar
Conectado: 5/6/2011
Desde:
Envíos: 252
Icon Re: Peito em Carta
Não haveria papel,nem envelope
que coubessem as coisa que nos
vão em nosso peito;porém se uma
carta assim ela recebesse;quem sabe
não atenderia tua súplica?...
Gostei dos versos;do estilo;estás
de parabéns;abraços.

Etiquetas

Login

Nombre:

Contraseña:

Recordar



¿Recuperar la contraseña?

Regístrese

Comentarios recientes

Poemas más leídos recientemente

2 meses a tu lado
caz_master
11/5/2012 4:22:07
Tus lindos ojos
juank0905041
20/9/2013 17:14:33
TU MIRADA...
RAMSHADY
19/7/2012 3:27:29
MI PUEBLO
necoperata
3/11/2012 3:34:26
MI HOGAR
Starlight
26/9/2011 20:51:59
DESCANSA EN PAZ...
Claudia
1/8/2012 23:59:35
Epitafio II
gus_de_las_pampas
17/2/2018 4:26:52
A MI ESPOSA Y MADRE
joseferchozamper
13/5/2012 1:40:09
Me alegra haberte conocido
CaelumDraconis
24/7/2013 3:30:19
PROVERBIOS SUMERIOS
JoelFortunato
5/12/2012 3:35:09