Latino-Poemas
¡Regístrese Ahora!     Conectarse

Consultar

Otros

Usuarios conectados

36 usuario(s) en línea (30 usuario(s) navegando Poemas y prosas)

Registrados: 0
Invitados: 36

más ....

Licencia

Licencia Creative Commons
Poemas : 

Caribdis

 





No mar siciliano aquela criatura marinha cuja
Existência muitos duvidam, aquela que arrasa
Com navios construídos com esmero e perfeição
Vive isolada, mas também temida por todas criaturas.



Navios arrasados, vidas entregues para sempre ao bravio
Mar, a criatura aniquila aqueles navegantes cuja coragem
Não foi colocada em vãos nos mares, a criatura aniquila
Não apenas a coragem, mas tudo que existe na vida.



A fúria e o medo são duas armas para evitar esta criatura
Medonha, este monstro nascido de uma camada monstruosa
Maior... Os sonhos de cada navegantes misturam-se a esta
Criatura das trevas marinhas cuja vida aniquila a pacífica vida.




Caribdis será lembrada para sempre como o aniquilamento
Total de um marinheiro, o túmulo vivo e indesejado dos homens
Cujas vidas já são aniquiladas no nascer, aquele monstro que arrasa
Não apenas as vidas, mas os sonhos, a tranquilidade, e a serena
Passagem de uma vida que deseja apenas viver para si, sem aquela
Absurda preocupação de mais um dia enfrentar aquilo que nunca quis.

Poeta
lud
Poeta lud
Poemas del mismo poetaMás poemas
Rss del poetaRss del poeta
EstadísticasEstadísticas
 
Poema
Fecha 9/2/2019 0:19:02
Lecturas 7
Favoritos 0
Licencia Licencia Creative Commons
Enviar a un amigoEnviar
Versión imprimibleImprimir
Crea un documento PDF con el poemaCrear un pdf
Recientes
Haikai 1076
Haikai 1075
Haikai 1074
Haikai 1073
Haikai 1072
Al azar
Haikai 965
Haikai 750
Jogos Estranhos
Mercúrio/Sócrates
Haikai 411
Los usuarios son responsables de sus propios comentarios.

Etiquetas

Login

Nombre:

Contraseña:

Recordar



¿Recuperar la contraseña?

Regístrese

Comentarios recientes

Poemas más leídos recientemente

O Meu Coração
AJCardiais
30/9/2018 23:28:22
Rotina
AJCardiais
9/1/2019 13:16:22
A nobreza de quem sabe sofrer
AJCardiais
29/12/2018 11:56:18
Sem combustível
AJCardiais
26/12/2018 13:30:32
Mundo cor de rosa
AJCardiais
8/12/2018 16:53:03
¿Cómo no extrañarte?
miltinho
9/12/2018 23:06:39
Sem registro
AJCardiais
29/12/2018 11:50:39
Amor - Objeto Indireto
AJCardiais
26/5/2018 12:04:36
2 meses a tu lado
caz_master
11/5/2012 4:22:07
Poetando para mim consolar
AJCardiais
29/1/2019 16:17:10