Latino-Poemas
¡Regístrese Ahora!     Conectarse

Consultar

Otros

Usuarios conectados

30 usuario(s) en línea (18 usuario(s) navegando Poemas y prosas)

Registrados: 0
Invitados: 30

más ....

Licencia

Licencia Creative Commons
Poemas : 

A VIDA

 
A VIDA

De onde vim sou conhecedor
Como estou sei que melhor
Caminho a trilha escolhida
Sigo a sina estabelecida
Desvenciliando os nós
Do tempo da minha vida
Que da soma sou resultado

Do relógio sou o segundo
Da vida sou o dia
Do minuto sou a hora
Da hora sou o mês
No tic sou só ponteiro
No tac sou o ano
No calendário sou a data
Na vida o decênio
E o calendário vai e vem
Para muitos ele fica
para outros se mantém

Quero no final
A luz do Saber
Sendo mestre no ouvir
Feliz no sorrir
E ter no peito a criança
Que todo mal conheceu...
...que toda velhice sentiu
Mas que das vivências optou
pelas da alegria a infantilidade
e pelas da eternidade o amor

“As palavras que formais, as frases, moldam vosso destino exterior sobre a Terra. São como sementeiras num jardim que cultivais em redor de vós, pois cada palavra humana pertence ao mais vivo que vós podeis fazer em vosso favor nesta Criação.” Abdruschin, Na Luz da Verdade, graal.org.br


"A felicidade provém do íntimo, daquilo que o ser humano sente dentro de si mesmo" Roselis von Sass - www.graal.org.br

Poeta
hserpa
Poeta hserpa
Poemas del mismo poetaMás poemas
Rss del poetaRss del poeta
EstadísticasEstadísticas
 
Poema
Fecha 18/11/2018 23:01:26
Lecturas 89
Favoritos 0
Licencia Licencia Creative Commons
Enviar a un amigoEnviar
Versión imprimibleImprimir
Crea un documento PDF con el poemaCrear un pdf
Recientes
A BUSCA ETERNA DOS SONHOS
QUE A POESIA INSPIRE PAZ
O JARDIM DO AMOR
UM NOVO DESTINO
A FEIURA NO COMUNISMO E A BELEZA NA DEMOCRACIA
Al azar
O JARDIM DO AMOR
UMA VIDA COM ESPERANÇA
NA LUTA A ESPERANÇA
VIVER É IMPRECISO - Fernando Pessoa
CAMINHOS DE UMA VIDA
Los usuarios son responsables de sus propios comentarios.

Etiquetas

Login

Nombre:

Contraseña:

Recordar



¿Recuperar la contraseña?

Regístrese

Comentarios recientes

Poemas más leídos recientemente

A nobreza de quem sabe sofrer
AJCardiais
29/12/2018 11:56:18
O meu coração
AJCardiais
30/9/2018 23:28:22
A Irregularidade do ato
AJCardiais
16/10/2018 15:45:26
Obrigado Poeta
AJCardiais
4/11/2012 14:43:13
Experimentação ou possibilidades
AJCardiais
10/6/2012 18:06:56
Outono/inverno
AJCardiais
24/5/2019 20:37:29
Ensaio para coisas bobas
AJCardiais
28/5/2019 13:19:29
Amarnos sin tiempo...
miltinho
10/6/2019 6:39:04
Inspiração à deriva
AJCardiais
14/5/2019 10:22:29
Erudição
AJCardiais
25/4/2019 18:46:46