Latino-Poemas
¡Regístrese Ahora!     Conectarse

Consultar

Otros

Usuarios conectados

26 usuario(s) en línea (17 usuario(s) navegando Poemas y prosas)

Registrados: 0
Invitados: 26

más ....

Licencia

Licencia Creative Commons
 





É tão pequeno e confuso que
Isso é o que você deveria saber.
Não há mais retorno à face.
Tornando-se impassível antes do
Belo, mas conserte seus olhos
E pense na miríade de situações.
Pensando naquele espelho suspenso
Na parede de uma maneira simples,
E cuidado com o endereçamento deste.
Espelho de mãos e terra
Ligeiramente no vidro,
Deslize as duas mãos
E sinta as impressões
Marcadas em todos os lugares.
Enquanto a boca e os lábios
Movem-se, eles fazem pequenos movimentos.
Tu entras neste espelho, a alma
Viva o seu espaço e aponte para uma
Habitação de ar monotona emoldurada.

Poeta
lud
Poeta lud
Poemas del mismo poetaMás poemas
Rss del poetaRss del poeta
EstadísticasEstadísticas
 
Poema
Fecha 1/9/2018 7:28:12
Lecturas 78
Favoritos 0
Licencia Licencia Creative Commons
Enviar a un amigoEnviar
Versión imprimibleImprimir
Crea un documento PDF con el poemaCrear un pdf
Recientes
Haikai 1010
Haikai 1009
Haikai 1008
Haikai 1007
Haikai 1006
Al azar
Haikai 551
Queria ver
Escorpião na casa 4
Canção mental
Sol-Saturno
Los usuarios son responsables de sus propios comentarios.

Etiquetas

Login

Nombre:

Contraseña:

Recordar



¿Recuperar la contraseña?

Regístrese

Comentarios recientes

Poemas más leídos recientemente

A nobreza de quem sabe sofrer
AJCardiais
29/12/2018 11:56:18
O Meu Coração
AJCardiais
30/9/2018 23:28:22
A Irregularidade do ato
AJCardiais
16/10/2018 15:45:26
Experimentação ou Possibilidades
AJCardiais
10/6/2012 18:06:56
Obrigado Poeta
AJCardiais
4/11/2012 14:43:13
2 meses a tu lado
caz_master
11/5/2012 4:22:07
MI PUEBLO
necoperata
3/11/2012 3:34:26
Tus lindos ojos
juank0905041
20/9/2013 17:14:33
MI HOGAR
Starlight
26/9/2011 20:51:59
TU MIRADA...
RAMSHADY
19/7/2012 3:27:29